Anna van der Breggen: de ouro olímpico a campeã mundial

A saga da holandesa que brilhou no mundial de ciclismo de estrada 2018

Anna cruza a linha de chegada rumo ao título de melhor ciclista de estrada do mundo em 2018 (Foto: Tim de Waele/Getty Images)

Se o espanhol Alejandro Valverde fez história ao se tornar, pela primeira vez, campeão mundial de ciclismo de estrada aos 38 anos de idade, igualmente heroica foi a vitória da holandesa Anna van der Breggen no mesmo mundial de 2018, na Áustria.

Anna Van Der Breggen celebra com sua família após vencer o campeonato mundial (Foto: Getty Images)

Foi também o primeiro título mundial de Anna van der Breggen, depois de seis medalhas de prata no mundial (da quais quatro foram conquistadas individualmente).

Com um sorriso largo, Anna subiu ao pódio do mundial e não conteve a emoção de pegar a camisa arco-íris de campeã do mundo de ciclismo de estrada 2018.

Na prova, depois de um ataque faltando pouco mais de 40 km, em que deixou a australiana Amanda Spratt (medalha de prata) e a italiana Tatiana Guderzo (bronze) para trás, Anna van der Breggen conquistou finalmente seu primeiro mundial da carreira.

“Eu esperei muito tempo por isso, mas eu sei o quão difícil é se tornar campeã mundial”, disse Anna no final. “Você só tem um dia para ser bom.”

Em 2016, Anna van der Breggen também já tinha sido incrivelmente boa em uma prova de um dia: o circuito olímpico do Rio. De lá pra cá, ela conquistou clássicas de um dia, como a Flèche-Wallone e Liège-Bastogne-Liège.

LEIAS MAIS: Valverde já era favorito a conquistar mundial de ciclismo