As bikes mais aerodinâmicas da atualidade

Em sua terceira etapa, o Tour de France 2018 contemplou um contrarrelógio por equipes de 35 km, onde desfilaram as bikes mais aerodinâmicas da atualidade

Bike de contrarrelógio do Team Sky personalizada para o campeão britânico Geraint Thomas (Foto @cyclingimages)

Em sua terceira etapa, o Tour de France 2018 contemplou um contrarrelógio por equipes de 35 km na comunidade de Cholet, no oeste da França. Uma chance de conferirmos de perto as bikes mais aerodinâmicas da atualidade.

O contrarrelógio por equipes volta ao Tour depois de três anos. Na última vez em que a modalidade incluiu a prova, em 2015, o Team BMC bateu o Sky por 1 segundo.

Desta vez o resultado foi igual, só que por três segundos de diferença: a etapa coroou a equipe BMC com a camisa amarela – que a BMC ofereceu ao seu ciclista belga, Greg Van Avermaet, campeão olímpico na Rio 2016. Em segundo neste contrarrelógio ficou o Team Sky, e em terceiro a Quick Step.

Mas como estamos só no começo da maior competição do ciclismo mundial, provavelmente esta será apenas uma peça de roupa provisória.

Enquanto isso, separamos abaixo algumas das “máquinas” que ajudaram as equipes do Tour de France a girar a mais de 60 km/h:

Team BMC
Team Lotto
Team BAHRAIN – MERIDA
Team Cofidis
Team Mitchelton-Scott
Team Movistar
Team Quick-Step Floors
Team Sky
Team Sky
Team Sunweb
Team Trek-Segafredo