Chris Froome volta a competir em fevereiro

Chris Froome. Divulgação Ineos

Sete meses depois de um acidente que o deixou de fora da temporada de 2019, Chris Froome volta a competir em fevereiro, no Tour de Abu Dhabi. Durante o reconhecimento do contrarrelógio do Critério do Dauphiné, em 12 de junho de 2019, Froome teve uma queda violenta, que o deixou com fraturas múltiplas. 

 

Ver essa foto no Instagram

 

Good news! I’ll be back racing at the @theuaetourofficial 🚴🏻‍♂️💨😁

Uma publicação compartilhada por Chris Froome (@chrisfroome) em

O britânico quatro vezes vencedor do Tour de France deu a dica da data de retorno pelo Instagram, confirmando os rumores de que ele estrearia na temporada 2020 nos Emirados Árabes. 

“Os treinos aqui nas Canárias foram muito bem, então eu vou poder começar a temporada já mês que vem, no Tour de Abu Dhabi”, disse Froome. “É uma prova que eu pedi ano passado, então é uma ótima forma de começar este ano.”

Foi um longo período longe da bike e mais de uma cirurgia para tratar as fraturas na coxa, cotovelo, fémur, esterno e várias vértebras. A última foi em novembro do ano passado. Froome tem treinado com dedicação para recuperar a forma e seu nível de performance. Atualmente, ele tem treinado com os colegas de equipe e espera voltar no auge para disputar a vitória de mais um Tour de France. 

+ Chris Froome é vaiado no Tour de France 2018
+ Chris Froome é abordado por policial e cai da bike; veja vídeo 

A Ineos (ex-Sky) disse que três de seus membros vencedores de um Tour – Froome, Egan Bernal e Geraint Thomas – estão de olho nesta prova como a principal do ano. Voltar às corridas representa um grande passo para Froome atingir este objetivo. 

O Tour de Abu Dhabi está em sua segunda edição este ano e começa em 23 de fevereiro.