Como manter o peso depois de emagrecer?

Por Elizabeth Millard, da Runner's World US

Como manter o peso? Imagem Shutterstock

Não deveria ser necessário dizer que pessoas com todos os tipos de corpo podem e devem pedalar. Mas a verdade é que muita gente começa a pedalar para perder peso, o que é bem desafiador. Quem consegue perder peso tem outro desafio depois: como manter o peso depois de emagrecer?

Não tem uma estratégia única que funcione para todos. Contudo, novas pesquisas mostram os hábitos das pessoas que conseguem manter o peso, o que ajuda muito a criar sua própria estratégia. 

+ Como a suplementação pode acelerar os resultados da dieta
+ Seis sinais de que a dieta está te fazendo um ciclista melhor

Publicada no jornal médico Obesity, o estudo avaliou 5.000 membros da Vigilantes do Peso, que perderam cerca de 22,6 kg e não reganharam o peso por pelo menos 3 anos. Os pesquisadores identificaram 54 comportamentos ligados ao gerenciamento de peso. Entre eles, estratégias abrangentes ligadas a ter metas, atitudes, diário alimentar e tipos de alimentos consumidos. 

Estratégia: Como manter o peso depois de emagrecer?

Em termos de hábitos alimentares, os costumes que mantiveram a perda de peso eram manter comida pouco calórica e saudável sempre à mão, ter um planejamento alimentar, manter o registro do que realmente comeu, e não deixar de medir e pesar as quantidades de comida. 

Outro fator de sucesso de quem perdeu peso e manteve por anos é olhar o passado em perspectiva. Estes participantes do estudo focam em manterem o pensamento positivo e pensam no sucesso no passado, diz Suzanne Phelan, cinesiologista e pesquisadora principal do estudo, professora de saúde pública da Universidade Estadual Politécnica da Califórnia. 

“Foque em construir estas habilidades antes de mais nada”, disse Suzanne. “Quanto mais estas habilidades forem praticadas, mais elas se tornam habituais.”

E assim como sempre existem tentações e distrações não muito saudáveis ao nosso redor, colocar hábitos saudáveis consistentes ao nosso redor pode equilibrar esse ambiente, acrescenta a pesquisadora. 

Atitude importa

As pessoas que mantiveram o peso também não faziam algumas coisas. Um exemplo:  se torturar por ganhar uns quilinhos a mais de novo ou ter sentimentos negativos sobre si mesmos ou sobre os comportamentos que tinham que levaram a ficar acima do peso ou obesos.

“Praticar o amor próprio e mindfulness estão conectados com ser autoconsciente, e a entender que comer e ser ativo são parte do processo”, disse Suzanne. “É normal ter dias de comer em excesso e fazer pouca atividade. A diferença é como as pessoas respondem a estes dias.”

Prevenir o reganho de peso não é importante só para ter bem estar emocional. Estudos recentes destacaram os perigos do efeito io-iô. Ao ganhar peso em gordura, aumentam os riscos de doenças cardíacas e inflamação crônica. Como se sabe, são a causa potencial de muitos problemas de saúde, como pressão alta e colesterol alto. 

Para quem está perdendo peso agora, pode ser útil olhar para além do “peso dos sonhos” e pensar em como implementar estratégias de perda de peso que reforçem as de manutenção também. Acima de tudo, ficar obcecado com cada caloria e cada quilo pode te prender em um modo de pensar não-saudável. Prefira investir em consciência, positividade e hábitos saudáveis.