Deusas da montanha – CANNONDALE F-SI Carbon Team

Cannondale FSI Carbon Team

Eis aqui um avião supersônico que levanta poeira nas trilhas mais íngremes do mundo, deixando um rastro de inveja por onde passa. A F-SI Carbon Team é fruto de um projeto pensado minuciosamente para integrar cada componente e construir uma verdadeira máquina de competir. Trata-se de uma bicicleta concebida para encarar subidas em praticamente qualquer tipo de trilha. Usada por alguns dos melhores mountain bikers do mundo, entre eles o brasileiro Henrique Avancini, esta é uma daquelas magrelas que logo de cara exibem seus atributos e encorajam o desempenho morro acima.

Seu conjunto é leve (quadro de carbono BallisTec, pesando apenas 1,02 kg), com traseira rígida, curta (429 mm) e reativa. Nos detalhes, mais argumentos para a Cannondale defender o modelo F-Si como um dos mais ariscos do mercado: destaque para o sistema de tração Ai (Asymmetric Drivechain Integration), deslocado 6 mm para fora, permitindo que a corrente se mantenha mais alinhada, mesmo com duas coroas – e, consequentemente, uma roda mais centrada e rígida.

O garfo com a emblemática tecnologia Lefty reforça a identidade da marca e permite cortar ainda mais peso com a versão 2.0, de carbono. Muito mais do que uma bike boa de subida, a F-Si também garante dirigibilidade nos trechos técnicos e estabilidade nas descidas, proporcionando um desempenho equilibrado durante todo o rolê no mato. Em resumo, chegar inteiro e rápido ao topo vai depender somente do bom par de pernas que você pode oferecer ao montar esta maravilha.

* Matéria publicada originalmente na Bicycling 2, de novembro 2015/janeiro de 2016.