Emagrecer ajuda mesmo a pedalar mais rápido? Descubra

Richard Pool

Descubra se emagrecer realmente te ajuda mesmo a pedalar mais rápido como você pensa.

Todo ciclista sonha em emagrecer, nem que seja pelo menos uns 2 quilinhos. Mas será que perder peso, mesmo que pouco, te deixa mesmo mais rápido?

E além disso: será que tanto esforço (e fome) se reflete em menor tempo, e será que isso vale a pena?

Essas respostas todas dependem de uma lista de variáveis, incluindo até o terreno a ser pedalado.

“Tudo interfere quando se pensa na equação emagrecer versus pedalar mais rápido. Em percursos planos, a perda de cerca de 2,5 kg não terá um impacto enorme na sua performance: você conseguirá ir mais rápido uns 10 ou 15 segundos, em uma pedalada de 1 hora de duração, por exemplo”, diz o técnico de ciclismo Menachem Brodie, dos EUA.

“Entretanto a situação começa a mudar em pedais com a mesma duração de 60 minutos, porém com subidas. Nesses casos, o ciclista pode poupar de 90 segundos a 2 minutos. Isso se sua potência continuar a mesma, pois muita gente emagrece e acaba perdendo massa muscular junto com os quilos. E, como consequência, parte da força também vai embora”, diz o ciclista Stephen Weller, treinador norte-americano e dono da assessoria esportiva Bell Lap.

Procurando comidinhas para te dar energia no pedal? Então assista a este vídeo da Bicycling USA, com oito opções espertas para te dar um gás a mais na hora de se preparar para um treino ou prova (ou para se recuperar!):