Floyd Landis cria nova equipe (com o dinheiro do Lance!)

Ex-companheiro de Lance, Floyd anunciou que vai ter sua própria equipe de ciclismo (Foto: Getty Image)

O ex-ciclista Floyd Landis, o homem que deu o pontapé inicial para a derrocada de Lance Armstrong, anunciou que está criando uma nova equipe.

Detalhe: Floyd fará isso com a grana que conseguiu como parte de um milionário processo em que denunciou o ex-colega de equipe no maior escândalo de doping da história do esporte.

Floyd em Portland, no Oregon, no começo deste ano (Foto: Billy Sinkford)

Aos 43 anos, Floyd divulgou seus planos em uma entrevista ao jornal The Wall Street Journal.

O ex-ciclista levou US$ 1,1 milhão dos US$ 5 milhões que Lance pagou a ele e ao governo norte-americano pela fraude durante os anos no U.S. Postal Service (a equipe era patrocinada pelos correios do país).

Os US$ 5 milhões são o resultado do acordo entre todas as partes envolvidas — se perdesse, Lance teria de pagar US$ 100 milhões ao governo e ao antigo colega.

Depois dos descontos de impostos, Floyd agora tem US$ 750 mil e pretende usar a soma para criar uma equipe profissional. Parte do time será composta pelo Canadian Siber Continental Team, que procurava um patrocinador para 2019.

A equipe continuará atuando no Canadá.

LEIA MAIS: Lance cai de bicicleta e vai parar no hospital

Floyd admite que sua trajetória é polêmica e que muita gente não gostará de vê-lo envolvido com o esporte novamente.

“Eu tenhum uma relação conflituosa com o ciclismo. Mas eu ainda gosto do esporte e me lembro bem de como é se sentir um jovem e competir por uma equipe. Foram os melhores momentos da minha vida”, diz ele na entrevista.

LEIA MAIS: Lance lança podcast bombástico sobre o Tour de France

Esse será o primeiro projeto de Floyd no ciclismo após competir brevemente na equipe canadense, durante um retorno rápido à carreira depois de ser pego no doping no Tour de 2006.