Frutas secas são realmente saudáveis?

Elas são práticas e contêm fibras, mas vai com calma: também são calóricas

(Foto: pixabay.com)

Frutas secas são práticas para se levar num pedal. Elas têm muitas fibras e vitaminas que são bons antioxidantes. Mas há outras coisas que devemos levar em conta.

Pela falta de umidade, seu conteúdo é muito concentrado. E, mesmo que as fibras sejam boas, o excesso pode causar câimbras e inchaços, ainda mais se você não estiver acostumado com este tipo de alimento.

O mesmo acontece com o açúcar, o que significa uma bomba de calorias. Mesmo as frutas sem adição de açúcar contêm açúcares que nem sempre são fáceis de serem digeridos. E, para piorar, as frutas secas podem carregar sulfitos, um conservante que ajuda a manter a cor do alimento. Procure as que não carregam estas substâncias, que podem causar dores de cabeça e abdominais se consumidas em grande quantidade.

Frutas secas: mas são tão práticas

As frutas secas realmente podem substituir lanches menos nutritivos. Troque, por exemplo, a batata frita por frutas liofilizadas, que são bem crocantes. Há também as mais macias e com sabores apimentados, o que torna mais difícil acabar com o pacote de uma vez só.

Leia também: Aprenda a preparar tirinhas caseiras de frutas

Coma do jeito certo:

  1. Beba água: As fibras são boas para regular o intestino, mas não se você estiver desidratado, o que será pior.
  2. Fracione: Use embalagens individuais para dividir as frutas em porções menores, que possam ser consumidas inteiramente — sem culpa — durante o treino.
  3. Adicione proteína: Quando você adiciona uma fonte de proteína ou gordura, como nozes ou iogurtes, é mais fácil ficar satisfeito e menos provável que você exagere no açúcar.