Holanda domina campeonato mundial de ciclocross 2019

Mathieu van der Poel confirma a boa fase. Marianne Vos não leva ouro, mas sobe no pódio

Mathieu Van der Poel cruza a linha de chegada com estilo e emoção (Foto: Balint Hamvas/Getty Images)

No último fim de semana o holandês Mathieu van der Poel se sagrou campeão mundial de ciclocross (2019 UCI Cyclo-cross World Championships).

Mathieu acabou com a hegemonia do belga Wout van Aert (que venceu o campeonato mundial em 2016, 2017 e 2018) para coroar a temporada fantástica que teve — ele venceu quase todas as prova que disputou.

No circuito veloz de 2,6 km de Bogense, no litoral da Dinamarca, o holandês dominou. Na terceira volta, mostrou superioridade ao se distanciar dos ataques dos ciclistas belgas Wout e Toon Aerts, que vinham na cola.

Leia também: Uma competição de bike fixa na trilha

Toon Aerts perdeu a medalha de prata no último instante, devido a uma queda, mas subiu no pódio.

Holanda: domínio no mundial de ciclocross

No feminino sub-23, a holandesa Inge van der Heijden subiu no topo do pódio, que foi completado por Ceylin Del Carmen Alvarado e Fleur Nagengast.

Sanne Cant – a belga que acabou com a festa holandesa

Pódio elite-feminino (Foto: UCI)

Na elite feminina, a belga Sanne Cant acabou com a festa holandesa. A heptacampeã mundial  Marianne Vos até que começou bem a prova, que aconteceu logo depois de uma chuva forte, deixando tudo mais emocionante. Mas no final, Marianne ainda foi superada pela conterrânea Lucinda Brand, que ficou com a prata. “Não foi o que eu esperava, mas certamente eu dei o meu máximo hoje”, disse Marianne Vos, que garantiu o pódio com o bronze.