Mídias sociais influenciam o que você come, diz estudo

Por Elizabeth Millard, da Bicycling US

Mídias sociais influenciam o que você come
Alexander Spatari/ Getty Images

O feed de alguns dos seus amigos parece ser a vitrine de uma doceria. Ou o oposto, com fotos de refeições absolutamente equilibradas, com todas as verduras possíveis. Pouco importa: a verdade é que as mídias sociais influenciam o que você come, de acordo com um novo estudo. 

Publicado pelo jornal Appetite, o estudo examina se as preferências alimentares de usuários de Facebook batiam com o que eles realmente comiam. Os pesquisadores recrutaram 369 estudantes universitários e pediram a eles para dizer suas percepções de quantas pessoas no feed deles comiam frutas, verduras, lanches energéticos e bebidas açucaradas. Então, os participantes tiveram que descrever seus próprios hábitos alimentares. 

+ Prepare sua própria comida
+ Quanto posso comer por dia de alimentos processados?

Quando os resultados foram cruzados, ficou claro que a percepção dos participantes do estudo sobre os hábitos alimentares dos amigos previu de forma significativa os hábitos dos próprios participantes. Os que acreditavam que seu círculo social “aprova” junk food disseram que consumiam mais esse tipo de alimento. Por outro lado, quem disse que os amigos comiam mais frutas e vegetais e evitaram bebidas açucaradas também adotava este tipo de hábito. Em resumo: as mídias sociais influenciam o que você come.

Estas conclusões reforçam uma certa auto reflexão no que se refere ao que comemos, mas também faz pensar sobre o que estimulamos nos outros. É a conclusão de uma das autoras do estudo, Lily Hawkins, doutoranda de psicologia da saúde na Universidade de  Birmingham, na Inglaterra. 

Consumo também é influenciado por mídias sociais

“A principal mensagem é que as mídias sociais podem estar influenciando nossos hábitos muito mais do que pensamos”, disse à Bicycling US. “Por isso, é bom pensarmos no que postamos, já que isso pode influenciar as escolhas alimentares de outros usuários de mídias sociais.”

Estes resultados são similares a de outra pesquisa, que concluiu que mídias sociais têm um papel fundamental nos padrões de consumo de jovens adultos. “Talvez postar escolhas mais equilibradas e saudáveis, em vez dos momentos em que nos permitimos guloseimas, possa ajudar os outros a comer melhor também”, disse Lily.

Isso quer dizer que mostrar o preparo das refeições e aquele brócolis cozinhando no vapor pode ser mais do que uma forma de cultivar seus bons hábitos –  pode ser um jeito de ajudar seus amigos a comerem melhor também.