Yellow inaugura serviço de compartilhamento de bikes elétricas em SP

A empresa informou também que deve colocar em breve o mesmo serviço em outras cidades 

(Foto: yellow.app)

Nesta semana, a Yellow passou a oferecer o serviço de compartilhamento de bikes elétricas (as e-bikes) no sistema dockless (sem estação de retirada e entrega) em São Paulo.

Para quem reclamava que as bikes Yellow não tinham marchas, a novidade chega em boa hora. Agora aquela subida para chegar ao trabalho ou em casa ficou mais fácil.

As bikes elétricas da Yellow têm pedal assistido – basta continuar pedalando para que o motor faça sua parte de assistência.

>> A resposta da Yellow sobre o vandalismo

A Yellow informa em seu site oficial que o uso de capacete em e-bikes é obrigatório e, portanto, cada usuário é responsável por carregar o seu.

Mas não vai se empolgar. A área de atuação das bikes elétricas da Yellow é mais restrita, como a dos patinetes.

Compartilhamento de bikes elétricas Yellow — valor
(yellow.app)

A Yellow cobra R$ 5 para desbloquear uma e-bike e mais R$0,40 por minuto de uso. Ao finalizar o pedal, basta fechar o cadeado manualmente, localizado na roda traseira, como nas bikes Yellow tradicionais.

No entanto, é necessário estacionar dentro da área delimitada pela linha azul no mapa do app — caso não queira pagar uma multa.