8 motivos para ciclistas tomarem cerveja

Por Caitlyn Giddings, para Bicycling EUA

Pense em todas as razões pelas quais ciclistas tomam cerveja. Existe o motivo óbvio (depois de um longo pedal, o gosto da cerveja é reconfortante). E o menos provado cientificamente (ela funciona como um placebo para melhorar ‘nossas dancinhas’ na comemoração pós esforço físico).

+ Vale da Cerveja: um roteiro de bike pelas cervejarias artesanais de Santa Catarina
+ A cidade onde a cerveja é grátis para quem anda de bicicleta

Mas essas não são as únicas justificativas para terminar seu dia de pedal no bar mais próximo. Aqui está nossa lista de razões completamente defensáveis para ciclistas (de maneira responsável) aproveitar a cerveja.

#1 Cerveja pode ajudar a reduzir o risco de doença cardíaca

Segundo a Universidade de Harvard, mais de 100 estudos mostram uma associação inversa entre consumo moderado e risco de ataque cardíaco ou morte por doença cardiovascular. Foi encontrada uma redução de 25 a 40% no risco.

#2 A bebida pode diminuir o risco de diabetes tipo 2

Em uma metanálise de 20 estudos sobre consumo moderado de álcool e risco de diabetes tipo 2, a American Diabetes Association constatou “que o consumo moderado de álcool é protetor contra o diabetes tipo 2 em homens e mulheres”. O estudo observou que os efeitos foram mais protetores quando homens consumiram mais de 22 gramas por dia de álcool e mulheres consumiram 24 gramas por dia. É importante observar que uma cerveja comum de 30 ml contém cerca de 14 gramas de álcool. Portanto, beba com responsabilidade se desejar esses benefícios à saúde.

#3 Também pode aumentar sua densidade óssea

Estudos descobriram que as cervejas – principalmente as mais escuras e mais lúpicas – têm uma grande quantidade de silício, o que contribui para a saúde dos ossos e tecidos conjuntivos. O Journal of the Science of Food and Agriculture sugere que uma ingestão moderada ajuda a combater a osteoporose.

#4 Cerveja pode prevenir a doença de Alzheimer ou demência

Beber com moderação pode realmente ajudá-lo a permanecer no topo de seu jogo mental. Pesquisadores da Universidade de Lanzhou descobriram recentemente que um composto encontrado no lúpulo da cerveja, o xanthohumol, pode te proteger contra o estresse oxidativo e combater o aparecimento de demência ou declínio cognitivo.

#5 O líquido pode reduzir seu colesterol

Boas notícias: Um estudo da American Heart Association descobriu que o consumo moderado de cerveja pode aumentar o HDL, ou colesterol saudável, ainda mais acentuadamente para as mulheres. Mas a American Heart Association recomenda que você não se empolgue demais. O indicado é não mais do que uma bebida por dia para mulheres e uma a duas para homens.

#6 Cerveja pode prevenir pedras nos rins

Um brinde para nunca descobrir como é triste eliminar uma pedra nos rins! Foi demonstrado que a ingestão de cerveja tem uma relação inversa com essa doença dolorosa, com cada garrafa consumida por dia estimada para reduzir o risco em 40%.

#7 Cerveja pode ser capaz de combater o câncer

Pesquisadores na Alemanha descobriram que o xanthohumol no lúpulo da cerveja – o mesmo material que ajuda a prevenir a demência – também pode bloquear o excesso de testosterona e estrogênio e, assim, reduzir a chance de câncer de próstata em homens e câncer de mama em mulheres. Eles estudam ainda mais o xanthohumol para uso potencial como um medicamento contra o câncer, mas, enquanto isso, você pode obter sua dose com um bom copo de cerveja IPA.

#8 Cerveja é uma grande recompensa pós-pedal

Nos últimos quilômetros, é bom ter uma cerveja de recuperação para desfrutar e se motivar. Você pode terminar o pedal com outros ciclistas tomando uma cerveja no bar ou você pode ir direto para casa e desfrutar sozinho a bebida. De qualquer forma, nada parece melhor quando você está cansado e suado.