Apple Watch reconhece que acidente é grave, aciona o resgate e salva a vida de ciclista

O relógio da Apple ajudou a salvar a vida deste ciclista, nos EUA

Apple Watch
Bob e seu relógio salvador, também danificado com o tombo

Há poucos dias, um relógio Apple Watch usado por Bob Burdett pode ter sido fundamental em ter salvado a vida de um ciclista, nos Estados Unidos.

O norte-americano pedalava para se encontrar com o filho para pedalarem de mountain bike pelo Parque Estadual de Riverside, Washington. Só que, no caminho, Bob tomou um tombo feio, bateu a cabeça e perdeu os sentidos.

>> Um umidificador de ar para você respirar melhor nesses dias secos

Foi então que o seu “inteligente” Apple Watch, classificando o tombo como “violento”, fez a função de acionar o resgate, informando a localização exata de Bob, que naquele momento estava inconsciente.

Com isso, o socorro foi acionado, e Bob foi atendido por paramédicos em menos de meia hora. E a rapidez no atendimento adequado foi determinante, segundo os médicos, para que o ciclista fosse salvo.

Em casos graves, as vítimas podem ter consequências graves ou até morrer, concluíram.

O Apple Watch mandou ainda um alerta ao filho de Bob, Gabe Burdett, que recomendou aos usuários do Apple Watch deixar o equipamento com o serviço de “Detecção de Queda Violenta” sempre ligado – um recurso existente apenas nesses aparelhos da 4ª geração.

Bob se recuperou do acidente, e passa bem. Um episódio com final feliz e que certamente fará parte do próximo vídeo da Apple sobre seus usuários que celebram as novas tecnologias da marca.