Chuvas torrenciais causam acidentes no Mundial de Ciclismo; veja

A disputa de contrarrelógio foi marcada por tombos épicos

Mundial de Ciclismo

Chuvas torrenciais que caíram sobre o percurso de contrarrelógio no Campeonato Mundial de Ciclismo de Estrada, que está acontecendo no Reino Unido durante esta semana, causaram uma série de acidentes pesados durante a tomada de tempo da categoria masculina sub-23, nesta terça-feira (24).

>> Assista ao Campeonato Mundial de Ciclismo de Estrada

A primeira vítima foi o húngaro Attila Valter, 21, que perdeu o controle da bike e ainda tentou, em vão, fazer de tudo para se manter em pé. Mas em seguida ele perde o controle da bicicleta e acaba indo ao chão.

Felizmente, nada de grave aconteceu com ele, que se levanta e caminha de volta à bicicleta, acenando com o polegar para a câmera em sinal de “tudo certo”.

Depois foi a vez de Mathias Norsagaard Jorgensen, protagonizar uma grave queda. A bike do dinamarquês parece travar na poça d’água, e ele sai voando por cima.

Outros pilotos foram obrigados a reduzir a velocidade praticamente a zero para evitar um tombo.

Enquanto isso, as mulheres da categoria Elite, que também competem hoje – incluindo a brasileira Ana Paula Polegatch – esperam que as condições melhorem.