5 dicas para você começar a pedalar hoje

Você tem que encontrar a bike certa e se preparar do modo correto para as primeiras pedaladas

Dia do Ciclista
(Foto: Brian Barnhart)

O Dia do Ciclista é comemorado em 19 de agosto (sim, olha que bom motivo para você finalmente começar a pedalar). Olhando de fora, o ciclismo parece simples – tudo que você precisa fazer é girar os pedais, certo? Mas às vezes o ciclismo pode parecer um pouco intimidador também. Você pode se pegar pensando: “Será que eu preciso de mais equipamento?”.

Mas uma vez que você fizer o primeiro rolê de bike, temos certeza de que você será fisgado pela sensação de liberdade, aventura e alegria. Começar é mais fácil do que parece, e nós já adiantamos: você não precisa nem usar uma bermuda de lycra, caso não queira. A seguir, reunimos seis dicas sobre como começar a pedalar – antes de pegar a estrada para valer.

>> Quer ser mais feliz? Então pedale

  1. Escolha a bike ideal

As bicicletas leves – com pneus finos e geometria de pilotagem eficiente – são projetadas para ajudar você a percorrer ciclovias pavimentadas e ruas da cidade.

Assim como você deve escolher o par perfeito de tênis de corrida, primeiro você precisa dimensionar sua bicicleta. O tamanho do quadro é importante. Então procure as recomendações do fabricante na tabela “altura do ciclista X tamanho do quadro”.

Em seguida veja uma bike que se encaixe tanto no seu orçamento quanto ao seu estilo de pilotagem.

  1. Prepare-se (não apenas para o Dia do Ciclista)

A bike perfeita é apenas meio caminho andado. Há também alguns equipamentos essenciais dos quais você precisa. Um novo capacete é o mais importante e deve ser usado em todos os momentos durante a pilotagem. Capacetes têm tempo de vida útil, por isso é melhor prevenir do que remediar e comprar um novo, em vez de pegar aquele capacete que está pendurado há anos em sua garagem.

Um kit de roupas de ciclismo (jersey, bermudão acolchoado ou short de bicicleta, e meias) é mais aerodinâmico e confortável na bicicleta do que outras roupas esportivas. O material absorve o suor e ajuda a regular a temperatura corporal; o corte de encaixe reduz o atrito; e o assento acolchoado protege as áreas sensíveis da vibração da estrada. Camisas estão disponíveis em infinitas cores e padrões.

Sapatilhas são sempre bem vindas (elas melhoram o rendimento do pedal). Mas treine antes em um lugar seguro até pegar o jeito do encaixe/desencaixe.

Outros equipamentos importantes são alguns itens de ferramentas, bomba de encher pneu, espátula para soltar o pneu da roda e uma garrafa d’água – você também pode gostar da ideia de ter um ciclo computador, para registrar o pedal.

  1. Crie o hábito de pedalar

Comece pedalando pequenas distâncias e vá crescendo aos poucos. Portanto, apesar de o Dia do Ciclista ser um bom motivo para começar a pedalar, definir uma meta a longo prazo é uma ótima saída para se manter envolvido com a atividade e acompanhar o seu progresso.

  1. Encontre um grupo de ciclismo

Um pouco de pressão positiva pode fazer bem. O ciclismo é unicamente um esporte individual e em grupo. Você pode certamente pedalar e realizar objetivos sozinho, mas andar com um grupo pode torná-lo fisicamente mais fácil (você pode tirar um ao outro por menos resistência ao vento) e mais motivador.

Muitas cidades têm grupos de ciclismo que organizam passeios em grupo, criados para ensinar os ciclistas iniciantes a etiqueta do esporte e mostrar as rotas locais. Esses grupos geralmente são associados a oficinas de bicicletas, por isso peça à equipe um calendário. Você descobrirá que o ciclismo é um esporte surpreendentemente social e de apoio. Conheça o Bike Anjo.

  1. Segurança em primeiro lugar

Para a sua segurança, use sempre capacete e siga corretamente as leis de trânsito – isso inclui parar no sinal vermelho. Mantenha-se sempre consciente do seu entorno e evite acidentes.

Se possível, não escute música com fones de ouvido durante o pedal e carregue consigo informações importantes, como tipo sanguíneo e um número de telefone para casos de emergência.