Lanterna traseira sem bateria cabe até na carteira de tão fina

Por Fernanda Rosa

Foto Divulgação

A lanterna traseira é um item de segurança quase que obrigatório para os ciclistas, especialmente aqueles que pedalam na cidade ou se exercitam em estradas nas primeiras horas do dia. Porém muitas vezes o peso de uma iluminação é tanto — fora o preço — que as pessoas simplesmente decidem sair sem sinalização.

Recentemente uma empresa gringa lançou uma versão que redefine o conceito de lanterna traseira.

A Blincclip tem o formato de uma placa bem fininha, feita a partir de material refletivo dupla face. O lado vermelho pode ser usado nas pedaladas noturnas, enquanto amarelo cai melhor de dia.

O melhor: essa lanterna não usa bateria e pesa menos que uma barra de cereal. Será lançada como uma opção de substituição da lanterna traseira no dia 13 de novembro no Kickstarter.

A placa se prende aos trilhos do selim com facilidade e vai se movimentando conforme aumentamos a velocidade do pedal. É por meio desse movimento que temos a sensação de que a luz está piscando, quando, na verdade, apenas reflete as luzes a sua volta. O item vai custar U$9,90 antes do lançamento, mas depois o valor vai para U$12,50.

 

Ela é feita de um material retrorrefletor 3M, chamado Diamond Grade, de 1mm de espessura, tamanho geralmente usado para sinalização nas rodovias. Pesa menos de 3 gramas e tem o mesmo tamanho de um cartão de banco. Dessa maneira se torna um excelente backup de emergência, que você pode carregar na carteira.

Leia também: MOCHILAS PARA CICLISTAS ANTES, DURANTE E DEPOIS DO PEDAL